top of page

Sobre o aumento da capacidade de geração de hidrogênio verde até 2050

Uma interessante análise estatística do Potsdam Institute for Climate Impact Research et alii sobre a expansão do hidrogênio “verde” foi publicada em setembro de 2022 na Nature.


Usando informações do banco de dados de projetos de hidrogênio da Agência Internacional de Energia (IEA) , que rastreia mais de 1.300 projetos de eletrólise globalmente, o estudo conclui que a capacidade dos eletrolisadores precisaria crescer 6.000 vezes até 2050, dos níveis atuais de 600 megawatts (MW), a fim de ajudar a limitar o aquecimento a 1,5°C.


Mas isso seria possível?


O estudo sugere que mesmo que a capacidade dos eletrolisadores cresça tão rapidamente quanto a energia eólica e solar, ainda é provável que fique aquém dessa trajetória e forneça menos de 1% da energia global até 2035.


Tudo isso dependendo de incertezas inevitáveis, como "um risco substancial de um gap de longo prazo entre a oferta provável e a demanda potencial", custos industriais e gargalos na cadeia de suprimentos. O apoio a políticas e os desenvolvimentos tecnológicos também são fundamentais. Continuamente ao longo das próximas décadas.


Os pesquisadores indicam que apenas taxas de crescimento emergenciais, semelhantes às alcançadas pelos EUA para equipamentos militares na segunda guerra mundial, ou a construção da rede de trens de alta velocidade pela China, permitiriam que o hidrogênio verde atingisse essas metas ambiciosas.


Destaque-se que algumas das principais economias do mundo estão avançando com políticas de hidrogênio como os "Importantes Projetos de Interesse Comum Europeu" (IPCEI) da UE e a Lei de Redução da Inflação dos EUA .


Clique na imagem abaixo para o artigo completo, links para outras 80 ótimas referências, além de dados e códigos de estudos "disponíveis publicamente".




Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating

 CARBON CREDIT MARKETS

“Nothing in life is to be feared, it is only to be understood. Now is the time to understand more, so that we may fear less.”

“I am among those who think that science has great beauty”

Madame Marie Curie (1867 - 1934) Chemist & physicist. French, born Polish.

bottom of page