Joe Biden: brasileiros deveriam ser pagos para não cortarem árvores

"Observações do presidente Biden no Dia da Terra e na assinatura de uma ordem executiva para fortalecer as florestas, comunidades e economias locais do país", trecho do discurso de 22 de abril de 2022: "A propósito, quanto mais eu passo um tempo na Amazônia, na Colômbia e no Brasil, e adivinhem? Mais carbono é retirado do ar na Amazônia, esse sumidouro de carbono, do que cada partícula de carbono gerado diariamente em todos os Estados Unidos de todas as fontes … Deveríamos estar pagando os brasileiros para não cortarem as florestas deles.  Tivemos que cortar as nossas [florestas]. Temos que cortar as nossas. Temos o benefício disso. Porque temos esses países do 3º mundo – não do 3º mundo, alguns são, na África e na e na América do Sul, e devemos, os países industrializados têm que ajudar". (tradução livre do original em inglês). Clique na imagem acessar o original e aqui para um video da Poder360.


 CARBON CREDIT MARKETS

« … car rien ne se crée, ni dans les opérations de l’art, ni dans celles de la nature, et l’on peut poser en principe que, dans toute opération, il y a une égale quantité de matière avant et après l’opération ; que la qualité et la quantité des principes est la même, et qu’il n’y a que des changements, des modifications. »

Antoine-Laurent De Lavoisier 1789, Traité élémentaire de chimie.