top of page

Bloomberg: Adivinha quem perde quando governos desconsideram bancos ESG ?

Como temos postado nos últimos dias, os Estados Unidos parecem divididos no que se refere a ESG.



No mesmo dia, um interessante artigo da Bloomberg: "Adivinhe quem perde depois da Flórida e do Texas banirem bancos ESG?". A resposta é "um imposto oculto sobre seus residentes no valor de centenas de milhões de dólares adicionais".


O setor privado - juntamente com as gerações futuras - parece comprometido com ESG em favor da proteção dos recursos naturais, direitos humanos, saúde e segurança, engajamento da comunidade, transparência, conformidade com as políticas regulatórias, diversidade, equidade e inclusão. E os investidores gostam desse potencial. Veja exemplo recente to Morgan Stanley. E líderes do setor privado, como Larry Fink, presidente da BlackRock Inc. promovem que ESG é “capitalismo, impulsionado por relações mutuamente benéficas entre você e os funcionários, clientes, fornecedores e comunidades das quais sua empresa depende para prosperar.”


Por outro lado, partes do setor público condenam o ESG como “sem sentido”.


De acordo com aos dados compilados pela Bloomberg, desde que começou seu ataque ao ESG em 2022, o Texas, com seu rating de crédito AAA perfeito, está pagando 19 pontos-base a mais em juros (o equivalente a US$ 1,9 milhão para cada US$ 1 bilhão emprestado) do que a Califórnia, com rating AA, bom, mas pior.


E com toda sua crítica em relação ao ESG, DeSantis está "envenenando" o mercado de dívidas da Flórida com rating AAA. A Flórida agora paga 43 pontos-base a mais em juros (ou US$ 4,3 milhões para cada US$ 1 bilhão em títulos ) do que a Califórnia com um rating de crédito inferior. Ou seja, 0,35% a mais do que antes de 2022. Uma deterioração recorde na Flórida, segundo dados compilados pela Bloomberg. A conta chega cedo ou tarde.


Clique na imagem abaixo para acessar este interessante artigo e análise da Bloomberg.



Comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación

 CARBON CREDIT MARKETS

“Nothing in life is to be feared, it is only to be understood. Now is the time to understand more, so that we may fear less.”

“I am among those who think that science has great beauty”

Madame Marie Curie (1867 - 1934) Chemist & physicist. French, born Polish.

bottom of page