Preço do carbono muito baixo para estimular as metas do Acordo de Paris (ESG Investor)

Por um lado, estudo da University College London (UCL) e da Trove conclui que os preços no mercado voluntário de carbono estão por demais baixos e que precisariam subir significativamentre rumo a um mercado ambiental íntegro. Por outro lado, o Banco Mundial reporta que o mercado de créditos de carbono atingiu US$53 bilhões em 2020-21, quantidade aquém do que o mundo precisa para atingir as metas do Acordo de Paris. O Banco Mundial considera a precificação de carbono necessária, mas não suficiente.Já o estudo Trove/UCL faz 5 recomendações para desenvolvimento do mercado voluntário: preço como medida de integridade ambiental; redução de emissões por parte dos participantes antes de acesso ao mercado voluntário; implementação de soluções baseadas na natureza (nature-based solutions, NBS); regulamentação melhorada e independente para o mercado voluntário; garantias visando não se considerar duplamente os mesmos créditos. Clique na imagem para saber mais.



 CARBON CREDIT MARKETS

« … car rien ne se crée, ni dans les opérations de l’art, ni dans celles de la nature, et l’on peut poser en principe que, dans toute opération, il y a une égale quantité de matière avant et après l’opération ; que la qualité et la quantité des principes est la même, et qu’il n’y a que des changements, des modifications. »

Antoine-Laurent De Lavoisier 1789, Traité élémentaire de chimie.