top of page

Hidrogênio a partir do etanol e suas perspectivas para grandes montadoras e países

Carros elétricos movidos a etanol e células de hidrogênio. Mas como funciona isso tudo?


Analisaremos uma patente da Unicamp , que seguiu o "fast track" Patentes Verdes do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) . Sua aplicação pode ir desde a indústria farmacêutica até a automotiva.


“... estamos falando da possibilidade da produção de hidrogênio embarcada nos carros a partir do etanol. Esse hidrogênio pode alimentar as células combustíveis, possibilitando a eletrificação e reduzindo a emissão de CO2 para a atmosfera de uma forma mais fácil e barata usando tecnologia desenvolvida no país” explica o Prof. Rubens Maciel Filho. "Embarcada" significa que o hidrogênio é produzido dentro do veículo.


Alguns dos veículos movidos a hidrogênio - e.g. Mirai, Hyvia - já carregam o gás altamente pressurizado em tanques, algo que requer cuidados e a montagem de uma infraestrutura talvez inviável em países como Brasil ou Índia.


Além disso, como a reação depende da presença de água, simplificaria e baratearia a produção do etanol. E o veículo andaria com praticamente metade da concentração de etanol que se tem hoje nos postos. Ou seja, aqui, misturar água ajuda.


Leia também sobre a parceria da Toyota do Brasil com Shell Brasil, Raízen, Hytron, USP e Senai para testes de hidrogênio renovável a partir de etanol. Um Toyota Mirai para testes foi entregue ao Research Centre for Greenhouse Gas Innovation (RCGI) da USP, que desenvolve a pesquisa. Além do Mirai, o hidrogênio renovável vai abastecer três ônibus que circularão na Cidade Universitária. A tecnologia é da Hytron, de São Paulo, recentemente adquirida por um grupo alemão.


A Nissan também está bem avançada nas pesquisas. Clique na imagem abaixo para esquemas que explicam como funciona o sistema completo. Segundo a Nissan, a conversão de bioetanol em energia elétrica emite algum CO2. Mas por se tratar de bioetanol, o ciclo completo seria "carbon neutral", considerando o CO2 absorvido na fase do crescimento da cana de açúcar ou milho.


A empresa destaca o potencial de mercados como o Brasil e a Tailandia, onde a rede de postos a etanol já é significativa.




Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating

 CARBON CREDIT MARKETS

“Nothing in life is to be feared, it is only to be understood. Now is the time to understand more, so that we may fear less.”

“I am among those who think that science has great beauty”

Madame Marie Curie (1867 - 1934) Chemist & physicist. French, born Polish.

bottom of page