Carros na UE: estações de hidrogênio a cada 100 km, elétricas a cada 60 km

Um dos principais objetivos da UE é descarbonizar o transporte, adotando veículos a energias renováveis.


Membros do Parlamento Europeu propuseram que praças de recarga elétrics para carros devem ser implantadas até 2026 pelo menos a cada 60 km ao longo das principais estradas da UE. Para caminhões e ônibus, os mesmos requisitos aplicar-se-iam até 2026, mas apenas nas estradas principais, na rede RTE-T (clique para ver o mapa).


Também foi sugerida a implantação de postos de abastecimento de hidrogênio até 2028 a cada 100 km ao longo das mesmas estradas.


Os preços devem ser apresentados por kWh ou por kg, ser comparáveis ​​e acessíveis a todas as marcas de veículos.


As emissões de gases de efeito estufa (GEE) do setor marítimo também devem ser reduzidas em 2% a partir de 2025, 20% a partir de 2035 e 80% a partir de 2050. Isso se aplicaria a navios com tonelagem bruta superior a 5.000, a princípio responsáveis ​​por 90 % de emissões de CO2. Os navios porta-containers e navios de passageiros devem utilizar o fornecimento de energia em terra enquanto estiverem atracados nos principais portos da UE a partir de 2030, para reduzir a poluição do ar nos portos.


Clique abaixo para ler o Comunicado de Imprensa do Parlamento Europeu, parte do pacote "Fit for 55"



 CARBON CREDIT MARKETS

« … car rien ne se crée, ni dans les opérations de l’art, ni dans celles de la nature, et l’on peut poser en principe que, dans toute opération, il y a une égale quantité de matière avant et après l’opération ; que la qualité et la quantité des principes est la même, et qu’il n’y a que des changements, des modifications. »

Antoine-Laurent De Lavoisier 1789, Traité élémentaire de chimie.