top of page

Arábia Saudita: sobre a maior central de hidrogênio verde do mundo.

Hoje é segunda-feira, 1º de abril de 2024.


Continuando a série de breves atualizações sobre alguns fatos significativos sobre o hidrogênio, postadas anteriormente por Carbon Credit Markets.




A parte desse post relacionada com o hidrogênio destacou um comunicado de imprensa sobre o investimento total alcançado por 23 empresas de investimento, bancos locais, regionais e internacionais para a maior instalação de produção de hidrogênio verde do mundo, que está sendo construída em Oxagon, na região de NEOM da Arábia Saudita.


Atualização de 2024, março


De acordo com o site da NEOM Green Hydrogen Company (NGHC), o último comunicado de imprensa de novembro de 2023 indicou que a primeira grande entrega de turbinas eólicas havia chegado ao local da usina. Assim, quando a central estiver totalmente operacional em 2026, 100% do hidrogênio verde produzido estará disponível para exportação global sob a forma de amoníaco verde. Relembrando que a cidade industrial “reimaginada” de NEOM integrará até 4 gigawatts de energia solar e eólica para produzir até 600 toneladas de hidrogênio diariamente. Dê uma olhada.


O próximo post será uma atualização sobre um caso brasileiro de hidrogênio natural encontrado no subsolo e sendo produzido continuamente na crosta terrestre.


@HydrogenMarkets



Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating

 CARBON CREDIT MARKETS

“Nothing in life is to be feared, it is only to be understood. Now is the time to understand more, so that we may fear less.”

“I am among those who think that science has great beauty”

Madame Marie Curie (1867 - 1934) Chemist & physicist. French, born Polish.

bottom of page